Alto Feliz

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gauchodanc.jpg Mas bah, tchê!

Este artigo buenaço e tri-legal é do mais puro humor gaudério dos pampas, vivente, então veste tua bombacha, recolhe teu pelego no galpão e toma um mate amargo com a gente, macanudo!

Chima.jpg
Um alto feliz (não parece tão alto assim...)
Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Alto Feliz.

Alto Feliz é uma cidade que fica em algum lugar muito alto no Rio Grande do Sul e que pela altitude isso fez os habitantes da cidade ficarem com problemas na cabeça.

Agora vamos conhecer melhor esse lugar esquisito.

Colonização[editar]

Colonizados por alemães, Alto Feliz ficou responsável por plantar batatas. Eles só tinham essa função: plantar batatas... Os alemães achavam que quando plantavam batatas em lugares altos elas iriam crescer mais rápido e maiores.

Pena que faltava coisa na cabeça dos alemães... As batatas saíam normais, sem nenhuma coisa de diferente. A única coisa que mudava era a atitude dos habitantes de Alto Feliz, sim eles ficavam todos felizes, talvez pela altitude ou pelos gases tóxicos que as batatas exalam.

Os alemães resolveram abandonar aquela colônia que declarou independência antes das outras. Assim eles nomearam a cidade de Alto Feliz.

Turismo[editar]

O turismo não é grande coisa pois a verba que recebem sequer paga o salário das pessoas que trabalham na limpeza.

Embora algumas coisas chamem a atenção como os incríveis asfaltos falantes em que você encosta a orelha nele e o asfalto te dá um conselho. Um dos conselhos mais famosos foi o de um corno que queria sabe rcomo se vingar do ricardão. O asfalto sugeriu que ele desse um tiro, e foi isso que aconteceu. Existe também a famosa cascata no acesso da cidade, mas como não existe efetivamente uma cidade, pra que ter cascata?

Agricultura[editar]

Os moradores ainda plantam batatas mas usam apenas para o consumo próprio. A batata é utilizada para produzir deliciosos bolinhos de batata, para fazer batata frita, pirê de batata, batata assada, salada de batata, e batata cozida com água e sal.

Cquote1.png PÔ! Mas que frescura é essa? Cquote2.png
Alguém sobre alto feliz

A Agricultura da cidade também se subdivide em um comércio de abóboras que lucra de maneira regularmente boa. Além disso, a cidade conta com alguns... Digamos... Roubos comerciais de comerciantes (ah vá!) que passam pela região de 2 em 2 meses e essa quantidade de comerciantes apenas diminuiu recentemente, quase levando a cidade a falência.


VRS 826[editar]

A VRS 826 foi por muito tempo o único acesso entre Porto Alegre e a região norte do Estado. A construção desta estrada foi inicialmente documentada em Gênesis 2:1 "Assim os céus, a terra e todo o seu exército foram acabados, e foi dado início às obras da VRS826." Ela já foi uma rota importante para exportação de batatas, porém os constantes saqueamentos sofridos delevaram à falência os nativos da região. Foi também utilizada pelos romanos, vindos de Roma, para chegarem no topo da serra da República dos Estados Unidos do Sul, onde iniciaram a plantação de milho para fabricação de polenta, prato típico dos descendentes de Roma. Devido à passagem do famoso imperador Júlio Cezar, no ano 200 d.C., a estrada ficou popularmente conhecida como a Júlio, a qual inicia em Porto Alegre e vai até sei lá aonde, mas passa por Alto Feliz!!! No ano de 2015, o Governador José Ivo Sartori, descendente dos comedores de polenta, deu um grande impulso na melhoria da VRS826, e efetuou o asfaltamento de mais 5 km. O projeto foi executado utilizando uma moderníssima tecnologia, utilizada também na fabricação dos trilhos magnéticos dos trens bala. Essa tecnologia, conhecida por asfalto frio, poderia ter evitado o acidente aéreo de Congonhas, pois produz naturalmente o grooving, que aumenta o atrito e as ondulações naturais da pista. Cientistas estão realizando estudos para ver se existe uma relação entre a perda de sono de quem anda nessa rodovia com este relevo criado, porém ainda não chegaram à um resultado confiável. Lamentavelmente, a obra foi mais uma vez interrompida devido à Chuva de meteoros Lyrids na Constelação de Lyra, a qual se intensificou no mês de abril de 2015. A queda de meteoros tem aumentado os buracos no trecho ainda não asfaltado, e teme-se que possa danificar também o moderníssimo asfalto a frio.

Atualmente a cidade não tem nenhuma rota comercial com nenhuma outra, fazendo o governo do Rio Grande do Sul não cobrar impostos para eles que só cobram impostos altos de sorrisos.