Auxílio miserê

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Social-democracia.png

Este artigo é Social-Democrata!

Ele(a) defende um socialismo light, com um Estado de bem-estar social para roubar tirar dos ricos e dar aos pobres através das vias democráticas, e não pela ditadura do proletariado.
Pelo direito de que os outros paguem as minhas contas!

Cquote1.svg Você quis dizer: Auxílio marginal Cquote2.svg
Google sobre Auxílio emergencial
Cquote1.png Solicitei faz 2 meses e o meu ainda continua em análise Cquote2.png
você sobre Auxílio emergencial
Cquote1.png Já tentei várias vezes e não recebi nada Cquote2.png
Desempregado sobre Auxílio emergencial
Cquote1.png Hehe, recebi as três parcelas de primeira e foi rápido! Cquote2.png
Famosos e empresários bem-sucedidos sobre Auxílio emergencial
Cquote1.png O governo fez tudo pra mim, já recebi e comprei tudo de droga pra vender mais caro, STONKS Cquote2.png
Traficante sobre citação acima
Cquote1.png Comprei todinho de diamantes no Free Fire Cquote2.png
Corno sobre Auxílio emergencial
Cquote1.png Eu aqui precisando, já tô cansado de comer ovo todo dia Cquote2.png
Você sobre comentários acima

Ermegencial, onde?

Auxílio emergencial é um benefício criado pelo governo brasileiro devido a pandemia da COVID-19 no valor de 600 paus, só que de emergencial não tem nada, provando a ineficácia de seus idealizadores, até o momento da criação desse artigo tem pessoas que ainda não receberam a primeira parcela, estão em análise e enquanto isso o de algum zé droguinha já foi aprovado e o seu não.

Quem tem direito?[editar]

Praticamente toda a classe proletariada, vagabundos, desempregados, informais e contribuintes do INSS ou que se encaixem nós perfis de miséria ou extrema pobreza como é o caso de beneficiários do bolsa família, mas como é um sistema obsoleto que avalia só quando estamos devendo alguma coisa, provavelmente algum bandido já recebeu e torrou nos cobre, boca de fumo mais próxima e você ai nada, só cheirando a vara de Calixto e comendo do pão que o diabo amassou.

Quem paga?[editar]

A Caixa econômica federal é responsável pelo pagamento desse caraminguá, mas foi preciso muita insistência para o mesmo ser aprovado pelo presidente, Bolsonaro que não queria, tá ok?, já que esse dinheiro distribuido deliberadamente pelo governo representa a maior parte, cerca de 99,9% das riquezas do país.

Perguntas frequentes[editar]

  • Porque meu auxílio ainda está em análise?

Paciência porra, afinal somos milhões de pessoas sendo que metade ou a maioria não tem direito de recebê-lo, ou seja tem brasileiro que é mais corrupto do que os próprios políticos em si e que adora uma maracutaia ou quando envolve grana fácil, mas não é só isso à casos também de pessoas que já faleceram, presidiários, traficantes e até mesmo, acredite se quiser o militares tentando receber o auxílio, só não me pergunte como, porque mãe de família não recebe, eu, você, mas Zé droguinha deita e rola e ainda debocha na cara da sociedade, pode isso?, então não esquente o c* com [email protected] fina, aguarde que você será com certeza reprovado aprovado.

  • Fui aprovado e agora?

Primeiramente, você aguardará horas pra realizar o cadastro no aplicativo Caixa Tem isso se aos 45 do segundo tempo não der alguma merda e você perder sua posição na fila virtual do app e ter que começar tudo de novo ou quando o servidor não estiver congestionado, se conseguir, beleza, vá receber ué, transferir!, o beneficiário que não tem conta em banco só recebe na CAIXA ou no posto Ipiranga mais próximo, correndo o risco de não receber o dinheiro e ainda voltar doente pra casa, depois de madrugar na fila da agência sem comer, nem beber nada ou seja essa merreca não dá nem pra melar ou você se cuida, ou morre de fome.

  • Porque fui reprovado?

Nesse caso desista, provavelmente você recebe algum benefício, está empregado, ou algum familiar seu fez e recebeu antes de você, seu trouxa, se não for o seu caso deixa de ser ganancioso, imbecil, pois o governo não faz nada de graça, não dá água pra pinto e todos sabemos que depois que isso tudo acabar, nós vamos trabalhar até esfolar o couro das mãos e criar calo no c*.

Acervo do povo[editar]

Consequências[editar]

Tava ruim, depois piorou, mas agora parece que está no começo, certamente o brasileiro sofrerá para obter essa bufunfa, de fato, caso logre êxito, como alegria de pobre dura pouco, posteriormente entraremos numa recessão econômica dos infernos e os impostos e a taxa de desemprego aumentará consideravelmente, o preço de alimentos básicos como ovo, feijão, arroz; subirá de forma exorbitante, chegará o momento que você terá que vender seus bens, que já não são nada, mas também seu corpo pra poder pagar esse suposto benefício, porque o governo não faz nada pra ninguém, imagina dar dinheiro de graça pra pobre.

Bloqueios[editar]

Atualmente centenas de milhares de contas foram bloqueadas como suspeita de fraude, hummm sei..., eles alegam que um grupo de hackers teriam se aproveitado de falhas no aplicativo, que não são poucas e com isso muitos beneficiários foram afetados, se tá ruim pra quem é letrado, imagina pra quem é analfabeto e vive no interior?!, sendo que o intuito inicial era evitar aglomerações e agora a mesma pede pra você ir a caixa efetuar o desbloqueio, PQP, mas de acordo com o povo tudo isso foi uma jogada do governo para barrar, ou seja, impedir que muitos continuem mamando nas tetas do mesmo e como o número de solicitantes e contestantes só aumentou, fora metade da primeira remessa que foi paga indevidamente, graças ao governo utilizar um sistema de bots para analisar CPF's, muitos vagabundos foram aprovados, pode isso?, foram economizar utilizando algoritmos ao invés de funcionários, mas parece que o tiro saiu pela culatra, tmnc legal.

Prorrogação[editar]

O que parecia ser uma boa notícia, não passa de uma ilusão por parte do governo pra ludibriar leigo, isso porque decidiram que iria ser paga mais quatro parcelas, no valor de R$300, só que nem todos vão receber; vejam só a jogada, quem recebeu a primeira parcela lá em abril, receberá as quatro parcelas extras até dezembro e os que ganharam em maio, só três, em Junho, duas e o restante, os retardatários, se ferraram, pois como foram os últimos as suas 5 de 600 iram ser pagas até o final do ano, então como auxílio vai só até dezembro, não faz sentido; aos olhos do governo, pagar tanta gente, sendo que mesmo tendo direito e muita paciência contestando, estes não serão agraciados com tal mixaria.

Ver também[editar]