Católicos de Interjeição

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Dios1.png Importante! A Igreja Universal quer sua atenção!

Deus quer que este artigo seja ampliado.
Aqueles que o fizerem, serão ajudados pelos seus tentáculos. Os que ignorarem, irão para o inferno pra sempre.
Não seja herege e obedeça a verdade única e divina!


Os Católicos de Interjeição são a mais bem sucedida seita de Católicos Não Praticantes, com pelo menos três adeptos em cada família.

Introdução[editar]

Apesar de não seguirem nem respeitarem nenhum código moral, fundamentam sua crença no egocentrismo edipiano divino, no machismo gregário (ou cornomansismo), nas blasfêmias oportunas e na invocação de seus dEUses ex-pagãos enrustidos convertidos.

O Panteão dos Católicos de Interjeição é composto basicamente por "MEU dEUs!", "Vixi Maria!", "Nossa Sióra!" e "Jeeesuis!", além de uma pá de santos provenientes do satanismo macumbista elemental.

Seu egocentrismo divino está representado na figura de dEUs, que é mEU, em relação à Senhora, que é Nossa, o que expressa também seu machismo gregário.

As blasfêmias oportunas normalmente acompanham a invocação de seus dEUses, como no exemplo que se segue:

  • "Vixi Maria, se fudeu!"
  • "MEU dEUs, que desgraça!"
  • "Jeeesuis - Nossa Sióra! (Entidade andrógena) Que pôrra é essa?"
  • "Mas será o Benedito!"
  • "Ave Santíssima" - Ave muito rara que não faz mal a ninguém.

"Afe Maria"[editar]

Corruptela da interjeição Aves Marinhas, exclamada originalmente por Charles Darwin antes de ser atacado por albatrozes durante as filmagens do filme A Lagoa Azul de Alfred Hitchcock.