Desnotícias:Silas Malafaia faz propaganda dum desenho da Disney

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Desnoticias logo.png

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

DISNEYLÂNDIA, Estados Unidos

Malafaia em sua propaganda

Depois de fazer propaganda de que a Princesa Elza, de Frozen seria lésbica, o pastor e bancário Silas Mal-lhe-fala faz propaganda de um um beijo gay em Star vs. As Forças do Mal, que segundo ele, seria transmitido no incrível mundo de Disney. Em sua propaganda nas redes sociais, o pastor destaca o beijo gay e diz que os diretores e criadores do desenho animado não passam de homossexuais e travestis que moram na Rua Augusta. Isso óbvio aumentou o Ibope do desenho depois da simpatia com o público LGBT, e mais óbvio ainda diminuiu o Ibobe dos cristãos conservadores.

Além de fazer propaganda do desenho ele ainda fez propaganda da nova linha de sexshoop da Disney, a mais nova empresa patrocinadora do programa Vitória em Cristo. Segundo ele e sua propaganda, a mais moderna empresa de entretenimento infantil para adultos seria a mais nova empresa em erotizar homossexuais para criança. Malafaia começou a divulgar a nova linha de desenhos animados da Disney pelo Twitter, logo depois, mais tarde no Twitter disse que iria fazer propaganda em um vídeo que ira vincular pelo YouTube. Veja aqui a publicação de Silas Malafaia em uma de suas redes sociais:

Blogueiros-são-Filhos-do-Diabo-diz-Pastor-Silas-Malafaia.jpeg
Silas Malafaia Twitterverified.png
@Malafaia
Twitterbird.png Seguir
10: 37 - 23 jun 2017
Twitterreply.png      Twitterretweet.png 736    Twitterheart.png 765

Mesmo depois de ter propagado a palavra de Valdisney, os estúdios da What (?) Dinsey atrasou o pagamento do pastor, assim ele foi à internet e fez propaganda falando mal de viados e jornalistas que concordaram com a propaganda feita pela emprese. Além disso aconselhou seus fieis seguidores a não comprar produtos da Disney para não dá lucro a empresa de Satanás. Além de fazer propaganda de seu livro que fala da Política de controle colorida e o maléfico plano de dominação global implantado por homossexuais, travestis e lésbica satanistas e ateus e seus planos para destruir a família e implantar a Ditadura(ui) Gay.

Fontes[editar]