Nany People

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Nanny People)
Ir para: navegação, pesquisa

Predefinição:Transsex

Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
Feia-001.jpeg Este artigo é sobre algo ou alguém com falta de beleza!

Não nos responsabilizaremos por qualquer dano em sua visão ou vontade de continuar a viver. Alguma foto da Marisa Letícia pode estar neste artigo.

Cquote1.png Você quis dizer: Nani Pipou Cquote2.png
Google sobre Nany People

Cquote1.png Experimente também: Traveco Cquote2.png
Sugestão do Google para Nany People
Babel fish.gifTraduzindo: Babá Pessoas
Babel Fish sobre Nany People

Cquote1.png Eu não irei fazer o teste do sofá nela! Cquote2.png
Carlos Alberto de Nóbrega sobre Nany People.
Cquote1.png EEEEEEEEEEPAAAAAA, aqui só tem espaço para uma bicha, meu amor Cquote2.png
Vera Verão sobre Nany People.
Cquote1.png Então morre diabo! Cquote2.png
Morre Diabo Nany People sobre citação acima.


Jorge Demétrio Cunha Santos (1 de Junho de 1965, Em algum lugar de Minas) também conhecido por Nany People ou Viado que se acha engraçado é uma humorista, radialista, atriz, Drag Queen que já está na televisão a um bom tempinho e até hoje não conseguiu fazer nada de importante.

Nany People declarando a liberdade dos gays e travestis.

História[editar]

Nascida em Cu do Mundopolis, Jorginho sempre demonstrou desde criança que nasceu do lado rosa da força, nunca queria que limpava sua bunda com papel higiênico e sim com um cotonete, as vezes fingia estar doente para ter um termômetro introduzido em seu cu, como vivia em extrema pobreza nunca tinha dinheiro para levar para escola então ela trocava sexo em troca de merenda, deixava os meninos levarem ela (ou ele sei lá o.O) para o matinho e fazerem fila um por um, já na adolescência não conseguia se enturmar na escola como sofria muito bullying resolveu ficar em casa só engordando de tanto comer pão de queijo e doce de leite, até que sua mãe para ela não ficar sem fazer porra nenhuma engordando feito uma porca resolveu matricula-lá em uma escola de teatro assim começou toda sua aventura.

Carreira na TV[editar]

Fã assíduo da Nany People.

Iniciou sua carreira em 1900 e guaraná com rolha em uma emissora já extinta fazendo porra nenhuma sabe lá o que, depois esse programa faliu, então ela foi pra Band fazer um outro programa que ninguém lembra ou se importa, foi mais um programa sem sucesso que acabou batendo as botas então ela voltou para o mesmo programa da emissora falida mas dessa vez era na TV Gazeta (daí se nota o nível), até que um dia foi convidada por Silvio Santos e Cazobé a participar de A Praça é Nossa ficou um tempo lá com seu quadro sem graça e cheio de bordões chatos que ninguém entende, assustando as pessoas com seu leque até que Cazobé meteu (uii) o na bunda dela, pois preferia contracenar com sua mulher gostosa, em 2010 assinou um contrato com a Pedir Maiscedo S.A para participar de A Fazenda sendo eliminada na quinta semana, mostrando que o povo não precisa de um viado nessa porra, também já fez parte do Pânico na Rádio Jovem Pan, em 2011 Silvio o contratou novamente para o SBT (ORLY??) para apresentar juntamente a filhinha paty do patrão, um cara de voz fina, uma loira russa gostosa, um cantor que ninguém lembra, para o programa "Cante se Puder".