Omorashi

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Garota hentai.gif PERVERTIIIIIDOOO(a)!

Tava procurando putaria e caiu nesta página "sem querer", não é?! Pelo menos feche a porta do quarto e divirta-se!


Omorashi é um bizarro fetiche japonês que envolve banhos de sucos de laranja com acerola, bexigas cheias e calcinhas de renda ensopadas por Fanta Laranja, algumas vezes confundido por urina, aquele líquido fétido expelido pela uretra que os médicos recomendam não beber.

Tara[editar]

Isto não é suco.

Por algum motivo misterioso, os japoneses acham que as mulheres se urinam toda vez que gozam, mas isso é falso porque com um pau de menos de 10 centímetros é impossível fazer qualquer mulher gozar, mesmo uma bucetinha cabeluda de uma japinha... então as mulheres nipônicas desenvolveram a técnica milenar de se urinarem durante o ato sexual para disfarçar o orgasmo. Com o tempo, aqueles japas desenvolveram uma fissura pelo mijo feminino, e assim surgia o omorashi

Diferente do banho dourado que caracteriza-se pela arte milenar de mijar disfarçadamente na piscina e depois tomar banho nela nadando como se nada tivesse acontecido, o omorashi é mais relacionado ao bondage e fraldas geriátricas. Alguns dizem que esse fetiche doentio é um tabu, fazer coisas como banhar-se e mijar na calcinha se humilhando em público é apenas um fetiche, embora jamais exista uma vagabunda na vida real que faça isso.

Histórias[editar]

Nos enredos hentai o oromashi geralmente retrata garotinhas meigas, geralmente menores de idade que não encontram um banheiro público e acabam se humilhando mijando nas calças em público, chorando antes de serem estupradas por uma orda de tentáculos em formatos de falos humanos cheios de horrendas protuberâncias e que não param de mijar sobre a menina.

Numa versão mais light dessa fantasia erótica japonesa impossível de realizar estão garotas vestindo aqueles shorts japoneses colados feitos de vinil, e usando-os de fraldas porque no Japão as mulheres se mijam assim mesmo.

Galeria[editar]