Ricardo Milos

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Jakey3.jpg

BITCH LASAGNA

Este artigo trata dos memes bizarrésimos da atualidade (de 2017 até agora)! Eles não fazem o menor sentido, mas mesmo assim um idiota ri deles, eles podem vir de qualquer lugar e eles morrem depois de 1 mês ou menos! Se vandalizar esse artigo, Ralsei vai usar PACIFY em você!

Sasukeman.jpg

ESTE ARTIGO É SOBRE UM GALÃ!!

Ele provavelmente não passa de um BBB: bom, bonito e burro pra cacete. Mas e daí? As mulheres (e alguns homens) ficam babando litros toda vez que ele aparece na TV (ou em revistas), já que ele é um

GALÃ.

Gerard butler.jpg
Ricardo Milos traumatizando toda uma geração...

Ricardo Milos é um ator erótico gay que virou meme no Brasil e no mundo todo depois de aparecer num vídeo dançando igual a um robô gay bugado do Paraguai. Graças às suas aparições constantes em diversos memes, algumas pessoas assistiram tanto aos vídeos que rolou uma falha no sistema do cérebro delas, fazendo-as a classificarem Ricardo como um verdadeiro Deus, o que o restante da população ainda sadia sabe que ele não passa de um ator de filmes pornôs homossexuais...

Surgimento do meme[editar]

Ricardo Milos nasceu em alguma dimensão paralela, ou seja, ninguém sabe onde ele realmente nasceu; talvez em Buenos Aires, talvez em Kiribati. Mas o que realmente importa é que Ricardo Milos se tornou em algum momento de sua vida um ator erótico gay. Nestes tempos sombrios para Milos, ele não era nenhum pouco famoso, nem um pouquinho mesmo. Contudo, misteriosamente ele começou a ter fama após o mesmo ter postado um vídeo dele dançando num site pornô gay, o que é muito estranho pois qualquer esperaria que a reação para um vídeo sensual fosse punheta, e não memes, e foi o que aconteceu...

Primeiramente começaram a parodiar sua dancinha bizarra, que mais parece um ritual para o capeta, com um anime tosco que mostra duas gurias (por mais que a outra só apareça menos de um segundo) imitando Ricardo. Contudo, não foi nada muito além disso, somente uns otakus batendo uma bronha para o vídeo, sendo que ele nem tem tantas visualizações... Somente alguns outros vídeos foram feitos com esse meme, mas como eles foram criados de uma forma que apenas otakus conseguissem assisti-los (muita vergonha alheia para se aguentar) também não deu em nada.

Ascensão[editar]

Cquote1.png Me ajuda aqui, mano! Cquote2.png
Ricardo Milos pedindo ajuda após tropeçar em um de seus bíceps malhados...

No entanto, toda essa maré de azar (ou não, até porque ele talvez nem saiba que ficou famoso) não parece ter afetado Ricardo, que deve estar mais preocupado é com marombagem. De qualquer forma, foi no final de 2018 e no começo de 2019, que Milos atingiu o nível máximo de sua fama, graças a uma onda de memes jamais vista na história deste país, com os memes mais aleatórios, e que basicamente consistem no cara aparecendo na tela no momento mais inesperado e inconvenientemente possível.

Os memes de Ricardo Milos se caracterizam principalmente por suas aparições sem sentido, pela censura de +18, ou quando alguma coisa de utilidade maior que ele acontece, só que ele interrompe ficando na frente do vídeo, e emputecendo alguns, e fazendo vários outros rirem até morrer. Fora isso, não tem mais basicamente nada que ele possa fazer, além de colocar umas músicas super altas com intuito de deixar o ouvinte surdo na mesma hora.

Trilha sonora[editar]

Existem duas músicas que ajudaram e muito a fama de Ricardo Milos, ou então Ricardo Milos ajudou suas famas. A primeira delas é Dota, do DJ desconhecido ainda por 99,9% da população mundial. A música é tão enjoada que nem merece grandes menções por aqui, apenas o fato dela tocar quase sempre que ele aparece, quase um prenuncio de que uma grande merda irá acontecer. Já a outro é U Got That, do DJ Halogen, tão desconhecido que ainda nem foi provada sua existência. Essa última é mais escutável do que a outra...

Um fato a respeito dessas obras de arte, é que a Dota simplesmente é tocada do nada e pronto, sem mais nem menos, já a "U Got That" sempre é tocada em apenas uma situação, que é a própria paródia do vídeo-clipe dela, que consiste em um bando de garotas hentai serem apresentadas, enquanto a câmera é jogada para o fundo, como se o cameraman estivesse tendo um ataque convulsivo, no clímax da música Ricardo aparece jogando seus passinhos "maravilindos". Depois disso você se interna numa clínica psicológica e se mata no dia seguinte...

Ligações externas[editar]