Terceira Pessoa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Nuvola apps atlantik.png Coloque mais dados aqui. Terceira Pessoa merece!

Aqui poderiam estar mais dados relevantes ao invés dessa merda.
Esclareça os fatos, melhore a redação e assim salve uma alma do purgatório.
Seja útil uma vez na vida e contribua para este artigo ou seção melhorar: edite-a


Este artigo é um esboço.
Na União Soviética, o esboço edita VOCÊ!!

A Terceira Pessoa é geralmente a maior culpada de tudo que acontece de errado no Brasil. Amplamente difundida nos textos de lei da nação, a terceira pessoa fundamenta-se basicamente em sua condição metafísica de ser. Não obstante, também é largamente utilizada no processo de aprendizagem do português, tal como a conjugação de verbos na terceira pessoa.

Atuação[editar]

(da esq. para dir.) Primeira, Segunda e uma Terceira pessoa.

Foi uma Terceira Pessoa que provocou o terremoto em São Paulo, foi uma Terceira Pessoa que aumentou o preço dos alimentos, foi uma Terceira Pessoa que está derrubando as Bolsas e foi com uma Terceira Pessoa pelada que eu peguei a Isaura, minha patroa, na nossa jacuzzi. Foi uma terceira pessoa que jogou a Isabella Nardoni da janela.... Foi também uma Terceira Pessoa que sumiu com o Padre Voador que a esta hora deve estar batendo papo com Ulysses Guimarães.

Segundo Lula, foi uma Terceira Pessoa que inventou o Mensalão, escondeu os dólares na cueca e preparou o dossiê sobre os gastos do FH.

Dizem até que o Aguinaldo Silva está querendo colocar uma Terceira Pessoa na novela para matar o Juvenal Antena, líder comunitário e ditador da Favela Projaquinha. Após submeter os principais suspeitos a um interrogatório pelo repórter do Fantástico, a polícia paulista chegou a uma conclusão: para descobrir quem é a Terceira Pessoa só mesmo chamando o inspetor Grysson, do “CSI”.

Intervenção de terceiros[editar]

A intervenção de terceiros é ajuizada quando uma terceira pessoa tem seus bens ou direitos prejudicados por um processo judicial em que não foi chamado para responder ou participar. São opostos a qualquer tempo, desde que comprovada a boa-fé do terceiro interventor. A terceira pessoa nesse caso é, portanto e necessariamente, a única prejudicada.

Embargos de terceiro[editar]

Os embargos de terceiro são opostos quando a prejudicial de mérito supracitada não é acolhida pelo excelentíssimo juiz de primeira instância intervertido. A terceira pessoa, nesse caso, não conseguiu convencer o magistrado que ele fora prejudicado pela ação judicial movida em face de 2ª segunda pessoa que veio lhe prejudicar, a terceira pessoa. Tal recurso tem não possui os efeitos suspensivos inerentes aos recursos de maior importância do processo de conhecimento, no entanto, caso o terceiro embargante mostre a fumaça do bom direito às mentes brilhantes escondidas nos tribunais superiores, talvez consiga impedir que os efeitos de um possível decisão tenham efeito. COMO JA DIZIA RENATO GEINSIINGER: Quem Saum Eles Quem eles pessaum que saum Quem Saum eles Quem eles pensaum Que Saum

Terceiro menor[editar]

Se a terceira pessoa for menor, não há nada que possa ser feito a não ser colocar o Ministério Público em voga. Como é sabido, em qualquer processo em que o terceiro seja menor, compulsiva se torna a lacônica opinião da Justiça Pública.

Terceiro de boa-fé[editar]

Terceiro de má-fé.

Como o próprio nome já diz, terceiro de boa-fé é a terceira pessoa frequentadora dos domínios de Edir Macedo. É o sujeito ingênuo, aquela pessoa normal que observamos todos os dias nas ruas, no entanto, é sempre o último a saber que seu patrimônio foi dilapidado por algum terceiro de má-fé.

Medalhistas de bronze[editar]

A atuação da terceira pessoa não se restrige apenas às páginas de jornais e fóruns lotados, o terreno do esporte também conta com a sua participação. Numa olimpíada por exemplo, a terceira pessoa melhor colocada numa determinada competição é a última a subir no pódio e recebe uma medalha de bronze.

Ver também[editar]